07/01/2020

Direccionamento

Olá a todos! Depois de algum tempo ausente, vou regressar brevemente e o blogue voltará ao activo com algumas mudanças. Uma delas é o domínio: o domínio actual (grito-silenciado.blogspot.pt) deixará de existir, pelo que convido-vos a seguir a nova conta de Instagram para continuarem a acompanhar o blogue e ficar a par de todas as novidades:


O Instagram passará a ser a única plataforma social do blogue e, aos poucos, substituirá a página de Facebook. Obrigada por continuarem desse lado e espero-vos lá 💚

27/05/2019

COMUNICADO

Não foi uma decisão tomada de ânimo leve mas, depois de muito ponderar, resolvi parar com o blogue por tempo indeterminado. Tenho andado surrealmente desmotivada com tudo e isso tem-me consumido profundamente a nível emocional e também mental, pelo que vou aproveitar esta pausa para focar-me mais em mim, arrumar a cabeça e serenar o coração.

Tanto o blogue como a página de Facebook ficarão inactivos, mas o conteúdo de ambos permanecerá visível. O e-mail também continuará disponível.

A todos os que seguem este cantinho, obrigada e até já 🖤

23/05/2019

A Wet N Wild NÃO É cruelty-free


A comunidade cruelty-free foi surpreendida com o recente alerta da Suzana Rose, autora do Cruelty-Free Kitty, que apanhou a Wet N Wild a vender os seus produtos na China. A marca foi vista na Watsons, a maior loja de saúde e beleza desse país.

14/05/2019

Dieta vegetariana reduz o risco de morte por doença cardíaca em 40%



Nas últimas décadas, o número de estudos que liga a alimentação vegetariana à melhoria da saúde em geral aumentou. Desde o risco reduzido de obesidade, diabetes tipo 2 e síndrome metabólica, uma dieta à base de plantas pode até mesmo proteger-nos de vários tipos de cancro. O coração também não é deixado de fora, como apontam vários relatórios.

09/05/2019

Marcas portuguesas de cosmética cruelty-free e natural


Pelo meio do consumo desenfreado acabamos por não dar atenção às marcas que compramos, sendo que muitas delas continuam a testar em animais e não se esforçam para mudar essa situação. Além da crueldade inerente desses testes, os produtos convencionais são compostos por ingredientes completamente dispensáveis. Felizmente, o consumo (mais) consciente está a florir e a ser cada vez mais praticado, tanto pela importância de preferir produtos cruelty-free como também ecológicos e mais naturais.