14/12/2015

"Então e o bacalhau?"

O bacalhau fica no mar. Solto, a nadar,
a viver.


Não precisamos de comer animais para comer bem - e muito menos precisamos de comer animais para ter um bom Natal, com uma mesa colorida e repleta de coisas boas. Para provar isso, abaixo seguem duas receitas de bacalhoada sem bacalhau, para uma quadra festiva isenta de sofrimento.


- Opção 1 -


Ingredientes:

Duas chávenas de soja aos cubos;
Uma chávena de batatas cortadas às rodelas;
Três cebolas grandes cortadas em lâminas;
Dois pimentos vermelhos cortados em tiras;
Dois tomates picados, sem pele e sem sementes;
Uma chávena de chá de azeitonas pretas descaroçadas;
Uma chávena de salsa e de cebolinho picados;
Cinco dentes de alho picados;
Uma chávena e meia de chá de azeite;
Molho de soja q.b;
Sal e pimenta a gosto.


Preparação:

Deixe a soja de molho num recipiente com água e com um pouco de molho de soja por, aproximadamente, vinte minutos.
Após a soja estar hidratada (mais inchada e fofinha), corte-a em tiras e refogue em lume brando com a água que ficou de molho.
Tempere com salsa, cebolinho, alho, sal e pimenta.
Coloque, num pirex, uma camada de batatas, uma de soja e outra com os restantes ingredientes (pimentos, tomates, azeitonas). Repita as camadas até os ingredientes terminarem.
Regue com azeite e leve ao forno durante trinta minutos e coberto com papel alumínio.
Está pronto a servir quando as batatas ficarem macias.


- Opção 2 -


Ingredientes:

Seiscentos gramas de batatas cortadas às rodelas;
Margarina vegana;
Duzentos e cinquenta gramas de seitan;
Uma cebola;
Três tomates;
Um pimento cortado em tiras;
Um frasco de leite de coco;
Pão ralado.


Preparação:

Coza as batatas.
Unte uma forma com um pouco de margarina e forre-a com as batatas cozidas.
Coloque o seitan em fatias finas por cima da batata.
Num tacho, coloque um fio de azeite e faça um molho com cebola às rodelas, tomate picado e pimento.
Após o molho de tomate apurar, acrescente o leite de coco.
Deite o molho por cima do conteúdo da forma e espalhe o pão ralado.
Leve ao forno até dourar. Sirva com couve cozida ou com outros legumes.


Fiz esta receita e ficou boa (apesar dos meus dotes culinários roçarem o catastrófico). Utilizei azeite em vez de margarina e substituí o seitan por soja grossa. Como o namorado comeu 99,9% da travessa, vou considerar isso como um sinal de que devo fazê-la na Consoada para os meus pais.



Fonte das receitas: Universo dos Alimentos.
Imagem | Fonte

4 comentários:

  1. Respostas
    1. Olá Anderson; uma chávena é o equivalente a uma xícara :)

      Eliminar
  2. Ohhh, ainda bem que gostaste do post da TAG :D
    Estas receitas de Natal parecem-me muito bem, se queres que te diga :p
    Beijinhos :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Experimenta fazer uma delas para a família :3 Diz-lhes que é um escondidinho de bacalhau, muahahaha 8D

      Beijinho*

      Eliminar