27/01/2018

Novo documentário vegano será lançado neste Verão


Desde Earthlings que os documentários ligados ao veganismo não têm parado: desta vez, este é relacionado com a saúde e pretende desmascarar a indústria das dietas. The Yoyo Effect tem Michal Siewierski como realizador, que também fez o premiado Food Choices em 2016.

O documentário segue Siewierski e o seu controverso caminho pelo mundo das dietas, no qual ele confronta-se com factos chocantes e com equívocos bastante comuns. Sendo um filme americano, foca-se num dos maiores problemas de saúde desse país – a obesidade – e conta com a participação de vários médicos e especialistas em nutrição, como o Dr. Michael Greger e o Dr. Neal Barnard.

No seu comunicado ao site Plant Based News, Siewierski comentou que fez o documentário para consciencializar sobre este assunto:

Senti que já era altura de fazer um filme centrado exclusivamente na perda de peso, para oferecer informação que ajude o público a alcançar os seus objectivos de uma forma saudável e sustentável.

Ele também acrescenta que o documentário “mostra várias ideias disruptivas de cientistas e especialistas em saúde de todo o mundo e que estão a revolucionar a maneira como pensamos sobre a perda de peso”.

As informações falsas sobre as dietas também são reveladas no documentário. O realizador denuncia a quantidade de ideias erradas que existem e como estas penetram tão facilmente no nosso senso comum e, consequentemente, nas nossas acções quando procuramos perder peso.

Entristece-me ver tantas pessoas a tentar todas essas dietas com efeito ioiô e que são, na melhor das hipóteses, ineficazes a longo prazo, para além de poderem ser extremamente perigosas. As pessoas estão a seguir novas dietas da moda, como a cetogénica e a paleo, e a fazer coisas tão insanas como colocar manteiga no café para perder peso ou ingerir quantidades copiosas de gordura, beber batidos proteicos com caldo de ossos ou a consumir proteína de insectos – e tudo isto roça o ridículo.

Apesar do documentário defender uma dieta à base de plantas, também mostrará o lado menos positivo da junk food vegana e dos alimentos vegetais industrializados. Siewierski enfatiza que vê na alimentação vegetal a base essencial para conseguirmos perder peso e nos mantermos saudáveis de uma forma sustentável, mas ressalta que há opções veganas que devem ser evitadas, como os alimentos processados. Na verdade, esse conselho não é novo e vários nutricionistas veganos também indicam que o consumo desse tipo de produtos deve ser, no máximo dos máximos, muito moderado.

Eu acredito que devemos alinhar os nossos motivos éticos e ambientais à nossa saúde. Deste modo, podemos desfrutar de todos os benefícios deste maravilhoso estilo de vida e ajudar a inspirar os outros.

Apesar de ser uma situação que, muitas vezes, é vista como tipicamente americana, a obesidade deve ser encarada como uma condição médica que afecta outros países, pelo que The Yoyo Effect acaba por passar uma mensagem universal e muito importante para todos. Em Portugal, cerca de 60% da população é obesa ou vive em risco de obesidade. A obesidade infantil também é um problema sério: mais de 28% das nossas crianças têm excesso de peso, das quais mais de 12% são obesas.




Notícia via Plant Based News
Imagem e vídeo | The Yoyo Effect

3 comentários:

  1. Não conhecia este documentário mas agora fiquei bastante curiosa e ansiosa para vê-lo! Adoro este tipo de filmes e acho que toda a gente deveria de os ver.

    Beijinhos!!
    Black Rainbow / Instagram

    ResponderEliminar
  2. Fiquei bastante curiosa com este documentário! Pela descrição, parece-me um excelente alerta.

    ResponderEliminar
  3. Não sou uma pessoa muito ligada a documentários, mas cada vez mais existem com temas atuais e bastante interessantes! Vou ver se começo a ver alguns :)

    https://mundodablue.blogspot.pt/

    ResponderEliminar